Mais um importante passo para a modernização da máquina pública

Verônica Costa – Assessoria de Comunicação Prefeitura de Sete Lagoas

A Prefeitura de Sete Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, está mudando seu sistema de gestão do ISSQN que, entre outros serviços, engloba a emissão de notas fiscais. O principal objetivo é melhorar o atendimento oferecendo mais segurança e eficiência. Para esclarecer dúvidas e, principalmente, mostrar aos usuários as vantagens conquistadas será realizado nesta quarta-feira, 17, e quinta-feira, 18, workshop, em sessões distintas, para contabilistas e empresas do município no auditório da Associação Comercial e Industrial (ACI) situado à Rua Nicola Lanza, 140 – Centro.

Para Adilson Lustosa, secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, a administração municipal está dando mais um importante passo no processo de modernização da máquina pública. “Não existe dúvida quanto aos ganhos, principalmente quanto a desburocratização da máquina pública. É um sistema moderno que beneficia todos que dependem deste serviço. ”, comenta.

Utilizando o Web Service as empresas poderão integrar seus próprios sistemas de informações com o Sistema de Notas Fiscais de Serviço Eletrônicas das Administrações Tributárias Municipais. Desta forma, consegue-se automatizar o processo de geração, consulta e cancelamento de NFS-e.

O sistema vai beneficiar as administrações tributárias padronizando e melhorando a qualidade das informações, racionalizando os custos e gerando maior eficácia, bem como aumentará a competitividade das empresas pela racionalização das obrigações acessórias (redução do “custo-Brasil”), em especial a dispensa da emissão e guarda de documentos em papel. “Antes, o contribuinte precisava comparecer a Prefeitura por diversos motivos. Agora, com este novo sistema quase todos os processos poderão ser realizados on-line. O principal objetivo é oferecer 100% dos serviços pela internet e com prazos mais acelerados”, conclui Adilson Lustosa.

PROGRAMAÇÃO

PARA CONTABILISTAS (9 horas)

  • Apresentação da empresa.
  • Cronograma de mudança do sistema.
  • Estratégia de implantação (migração / integração / validação dos dados)
  • Como promover o primeiro acesso ao novo software.
  • Emissão de notas fiscais próprias e de clientes.
  • Cancelamento, substituição e carta de correção de NFSe (prazos e processos)
  • Declaração do livro de serviços prestados
  • Declaração do libro de serviços tomados
  • Emissão de guia de recolhimento
  • Emissão da guia de AIDF
  • Utilização de RPS
  • Integração do software com sistemas contábeis
  • Vinculação de cliente e contador.
  • Apresentação dos canais de comunicação.
  • Abertura para questionamentos.

PARA EMPRESAS (14 horas)

  • Apresentação da empresa.
  • Cronograma de mudança do sistema (prazos de início, encerramento de competência, pagamento da guia de ISS)
  • Estratégia de implantação (migração / integração / validação dos dados).
  • Como promover o primeiro acesso ao novo software.
  • Emissão de notas fiscais.
  • Emissão de notas fiscais da Construção Civil.
  • Emissão de notas ficais de empresas enquadradas no Simples Nacional.
  • Cancelamento, substituição e carta de correção de NFSe (prazos e processos).
  • Declaração do livro de serviços prestados.
  • Declaração do libro de serviços tomados.
  • Emissão de guia de recolhimento.
  • Emissão da guia de AIDF.
  • Utilização de RPS.
  • Processo de integração do WebService (apresentação do modelo ABRASF e processo de habilitação em ambiente de produção).
  • Declaração Eletrônica de Serviços das Instituições Financeiras.
  • Declaração Eletrônica de Serviço Cartorário e Notariais.
  • Declaração Eletrônica das Instituições de Ensino.
  • Apresentação dos canais de comunicação.
  • Abertura para questionamentos.
error: © Todos os direitos reservados!
O jornal de Sete Lagoas e região
%d blogueiros gostam disto: